*

Manifesto

O Brasil agora pode contar com um partido histórico de verdade, nascido da ideia básica de que, para vivermos felizes num mesmo país, devemos  reunir AUTONOMIAS FORTES, como acontece na Suíça, nos Estados Unidos da América, na Alemanha, Canadá e Austrália,  países  que  deram  certo,  em  nada importando  o tamanho ou se falam a mesma língua. 
 
Nossos antepassados brasileiros, do Norte ao Sul, do Leste ao Oeste, lutaram por isso. E pela causa da liberdade foram enforcados ou fuzilados. A Constituição de 1891 contemplava vários dos anseios federalistas de ilustres nomes, como Rui Barbosa, iniciando-se o novo regime sob os " Estados Unidos do Brazil", com sua constituição federativa.
 
Com o correr do tempo, entretanto, a nossa tão sonhada Federação foi  de tal forma desfigurada que  passamos a viver sob a tutela de mandonismo federal centralizador  cuja  enorme e dispendiosa organização acabou  reduzindo , quase  que  totalmente,  a liberdade sagrada  de optarmos pelas melhores e mais adequadas soluções  para nossos inúmeros e diversificados problemas estaduais e municipais neste imenso espaço continental brasileiro. Tanto assim foi, que esse sonho ficou apenas no inconsciente de cada brasileiro, ao lado de sua própria vontade de realização, sem saber, na verdade, do porquê de não consegui-la.
 
Todos nós acreditamos que as leis funcionariam melhor se fossem feitas em nossos Municípios e Estados. Estariam  atendendo às realidades dos diferenciados "brasis" onde vivemos. Para tanto, precisamos de um verdadeiro Federalismo, consubstanciado em uma Carta Magna objetiva, principiológica e  inteligente, que apenas determine os princípios gerais  que unam todos os Estados aos laços de uma verdadeira, justa e promissora União.
 
Os  brasileiros e brasileiras livres, de todas as raças e religiões, de todas as idades, de todos os rincões nacionais, irmanados pelo Federalismo pleno, consideram que os impostos devem ser reduzidos, reorganizados  e simplificados, pondo fim ao terrorismo tributário onde empresários e trabalhadores são igualmente vitimados, tanto pela diminuição progressiva das vendas e da consequente produção, quanto pela diminuição progressiva do poder de compra, afetando a própria empregabilidade.
 
Desejamos que os recursos sejam empregados  onde forem gerados , sem "passeios" por Brasília, onde costumam se perder na  escala burocrática ineficiente, distante, clientelista e corrupta.

Consideramos que as mazelas da insegurança, das imoralidades, da desagregação da família e dos valores da sociedade, das instituições, vividas no dia a dia, da falta de civismo e civilidade, são consequências da carência de um modelo que reorganize a sociedade de maneira que a mesma possa, livremente, estabelecer seus projetos e sucessos individuais e locais, enriquecendo o País com suas  diversidades potencializadas e unidas em torno de uma Nação com visão de futuro, onde o objetivo é a felicidade da liberdade responsável.


Desejamos que as opções que se ofereçam nos locais e regiões, assim como, as lideranças que as propõe, sejam escolhidas através da liberdade de se votar facultativamente, privilegiando-se a qualidade das vontades espontâneas e conscientes, única forma de se abandonar a pobreza do voto obrigatório, impossível de se associar à uma verdadeira democracia.
  
Aqui estamos. Nascemos  para multiplicar e potencializar a soma dos grandes valores que  o Federalismo e a Liberdade podem oferecer para a realização de um  programa  político que torne  o Brasil livre, seguro, moderno e forte, uma Nação do III 

Participe