*

Quem Somos

Quem somos -

Somos um grupo de cidadãos comuns que resolveram ir além do reclamar. Identificada a causa dos problemas ficou muito claro que não adianta brigar apenas com os efeitos.

Thomas Korontai é criador do Movimento Federalista iniciado em Curitiba, em 17.10.1991 (veja mais em História do Partido). Ele nunca participou de política partidária embora tenha sido filiado a dois partidos, porém sem nenhuma atuação. É empresário, Agente da Propriedade Industrial (INPI) desde 1988 e tem extensa folha de atuação associativa em entidades comerciais, empresariais e industriais, além de clubes como Rotary, Junior Chamber International (JCI) dentre outras, palestrante, colunista e articulista de diversos jornais e revistas, autor de três livros, entre eles o livro "CARA NOVA PARA O BRASIL - Uma Nova Constituição para uma Nova Federação", onde apresenta a proposta de uma nova Constituição para o país, resultado de mais de 20 anos de estudos e análises. É o fundador do Partido Federalista e do Instituto Federalista IF Brasil (SP).

Herbert Victor Levy, fundador da Gazeta Mercantil e lendário deputado federal por mais de 40 anos, figurou como Presidente de Honra, hoje de saudosa memória. Leia o Editorial publicado por ele na Gazeta Mercantil, onde registra o ingresso dele no Federalista. Leia também a Carta que Thomas Korontai publicou em sua homenagem em Janeiro/2002.

Milton Atanázio da Silva é jornalista e editor chefe da Revista Vox, da ABRACAM – Associação Brasileira das Câmaras Municipais. Reside em Brasília/DF e é Vice-presidente do Federalista.

João Germano Teixeira é filiado ao partido desde 2005 e Secretário Nacional do Federalista, função que acumula com a Presidência do Estado do Paraná.

Johnni Balbino é Leiloeiro Oficial atuante no Estado de São Paulo. É o atual Tesoureiro Nacional do Federalista.

O Partido foi oficialmente fundado em 7 de Setembro de 1998 e registrado no cartório de títulos e documentos em Brasília em abril/1999.

Hoje o Federalista tem integrantes e filiados há muitos anos, e muitos vêm se filiando para apoiar nossas propostas.

 

PORQUE ESTAMOS FAZENDO ISSO?

Todos nós descobrimos também que não adianta tentar melhorar um setor ou outro da atividade pública, pois a maioria das propostas ou ficam na gaveta ou são tão alteradas que sofrem completa desfiguração. E tudo isso quando não lhe roubam a ideia... Lhe soa familiar?

Pois é, descobrimos ainda que a causa dos problemas é o modelo de (des)organização do País, com recursos muito centralizados nas mãos do Governo Central (75% de tudo que se arrecada no País). Para piorar, quase toda a legislação é feita em Brasília, e o Judiciário tem como instância máxima... Brasília!

Restou-nos entender o problema, estudar o País, a política, o cidadão, as potencialidades e oportunidades, além da fraquezas, os modelos institucionais em vigor, como o trabalhista, a burocracia, as concessões, o estatismo excessivo, as tensões ideológicas e sociais, a geopolítica internacional, enfim, estudar o Brasil como um todo e concluir, após 23 anos, um Projeto de Nação.

Para oferecer este Projeto Federalista, de transformação de todo o modelo centralizado para o Federalismo Pleno de autonomias estaduais e municipais, é preciso um partido político forte e incorruptível. Assim, nasceu o Partido Federalista. Um partido muito especial na sua estruturação estatutária que garante muito poder ao filiado, democracia interna de verdade e muita ação política. Sem oligarquias internas.

Você vai conhecer as propostas. Vai conhecer os aspectos partidários e também o Estatuto. E vai perceber que, pela primeira vez, você está diante de um Projeto sólido, realista, transformador, perfeitamente alinhado com o que você sente e quer para a sua vida e o Brasil.

Se quiser saber o que foi publicado desde 2004, quando entrou no ar a terceira versão do site federalista, pode também acessar aqui.


 

Participe